Relator da reforma do IR no Senado propõe corrigir tabela para pessoa física em 41%

Sovos
outubro 22, 2021

Em entrevista à Rádio Gaúcha, Angelo Coronel (PSD-BA) voltou a criticar o texto aprovado pela Câmara e disse não ter pressa para apresentar seu relatório.

Relator da proposta de reforma do Imposto de Renda (IR) no Senado, Angelo Coronel (PSD-BA) disse em entrevista ao Gaúcha Atualidade, da Rádio Gaúcha, nesta quinta-feira (21), que a proposta que veio da Câmara não beneficia “nem empresas e nem pessoas físicas”.

O parlamentar propõe que todas as faixas do IR da pessoa física sejam corrigidas pela inflação acumulada desde 2015, que, segundo ele, chega a 41%. Hoje, quem ganha até R$ 1.903,98 por mês​ é isento, e a proposta aprovada pelos deputados aumenta o limite para R$ 2,5 mil.

— Se o governo quer atender às pessoas físicas brasileiras que pagam impostos, que estão na ordem 30 milhões de brasileiros, ele deveria pelo menos corrigir a tabela pela inflação. A luz sobe, o gás sobe, o condomínio sobe, a comida sobe, mas na verdade a taxa de isenção não sobe — disse.

Como já havia feito em outras oportunidades, Coronel voltou a afirmar que o texto entregue ao Senado é ruim, “um dos piores” que viu na vida. Falou ainda sobre a pressão que tem recebido para que a proposta avance, já que os recursos gerados pela mudança no imposto devem ser usados para bancar o novo programa assistencial do governo, o Auxílio Brasil.

—Para mim é um programa eleitoreiro, assim como foi usado nos governos passados. É um programa para influenciar no voto das camadas mais pobres da população — disse o senador. — Não vou entregar um projeto que prejudica as pessoas físicas e as empresas para atender a um capricho do Ministério da Economia — completou.

Questionado sobre prazos, o senador afirmou que não tem pressa para entregar o relatório e que está se reunindo com entidades de todo o país para discutir o texto. Coronel acredita que o projeto só deve ser apreciado pelo plenário do Senado no ano que vem.

— O tempo é muito curto (para as mudanças vigorarem já em 2022). A não ser que haja acordo com a Câmara, esse projeto só vai ser apreciado pelo plenário do Senado em 2022. Não vai ter tempo para ser apreciado em 2021.

 

Fonte: gauchazh.clicrbs.com.br

Inscreva-se para receber atualizações por e-mail

Mantenha-se atualizado com as últimas atualizações de impostos e conformidade que podem afetar seus negócios.
Author

Sovos

A Sovos foi criada para resolver as complexidades da transformação digital dos impostos, com soluções completas e conectadas para determinação de impostos, conformidade contínua com o controle de transações, declaração de IVA e muito mais. A empresa oferece suporte a mais de 12.000 clientes, incluindo metade do ranking Fortune 500, operando em mais de 70 países. Seus produtos SaaS e a plataforma proprietária Sovos S1 integram-se a uma ampla variedade de aplicativos de negócios e processos de conformidade governamental. A Sovos possui funcionários na América do Norte, América Latina e Europa e é propriedade da Hg, localizada em Londres e TA Associates, com sede em Boston. Para obter mais informações, visite https://sovos.com/pt-br/ e siga-nos em https://www.linkedin.com/company/sovos-brasil.
Share This Post

Brazil Conformidade fiscal Latin America
January 21, 2022
Bolsonaro diz que negocia PEC para zerar impostos e reduzir preços de combustíveis

Presidente diz estar negociando com o Congresso para tirar cobranças como PIS e Cofins dos itens O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta quinta, 20, que negocia com o Congresso uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que permita reduzir o preço de combustíveis. A redução seria feita através de uma mudança em alíquotas de impostos que incidem sobre gasolina, diesel e etanol. “Nós temos uma […]

Brazil Conformidade fiscal Latin America
January 20, 2022
Combustíveis vão ficar mais caros em fevereiro após descongelamento do ICMS

Inflação dos combustíveis deve ganhar outro impulso com o fim da estabilização do imposto   Podem preparar o bolso: os preços da gasolina e do diesel devem subir em fevereiro, como resultado da decisão dos estados de não prorrogar o congelamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) dos combustíveis. Vale lembrar que, […]

Brazil Conformidade fiscal Latin America
January 19, 2022
Projeto no Senado pode reduzir preço dos combustíveis em até R$ 3

Relator do texto prevê criação de uma “conta de compensação” para diminuir o preço na bomba O Senado votará em fevereiro o PL 1.472/2021, que promete ser uma solução para conter a disparada nos preços dos combustíveis. O relator da medida, senador Jean Paul Prates (PT-RN), disse em entrevista à CNN que quer que seja criada uma […]

Brazil Conformidade fiscal Latin America
January 18, 2022
Projeto para conter alta dos combustíveis deve entrar na pauta do Plenário em fevereiro

No substitutivo aprovado pela CAE, são alteradas as alíquotas de incidência do Imposto de Exportação sobre o petróleo bruto.   O Senado deve discutir a partir de fevereiro uma solução para conter a disparada nos preços dos combustíveis. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, anunciou nesta segunda-feira (17) que submeterá ao colégio de líderes o […]

Brazil Conformidade fiscal Latin America
January 18, 2022
E-commerce na mira da reforma tributária

Há várias propostas sendo discutidas, e cada uma delas pode afetar positivamente ou negativamente os e-commerce no país.   Desde que foi anunciado como o ministro da economia no governo de Jair Bolsonaro, o economista Paulo Guedes definiu três pilares para a recuperação econômica do Brasil: reforma da previdência, desestatização de empresas e reforma tributária. […]

Cookie Settings