FATURAMENTO ELETRÔNICO

A autoridade fiscal da Colômbia, a DIAN, introduziu alterações em seu modelo de faturamento eletrônico

Com as lições aprendidas após a primeira interação de faturamento eletrônico na Colômbia, o DIAN está implementando um modelo de liberação semelhante ao do Brasil, México e outros países da América Latina.

O DIAN exige que as organizações que atualmente realizam faturamento eletronicamente por meio da SAP efetivem o novo modelo até 2 de novembro de 2019. As empresas que implementam o faturamento eletrônico pela primeira vez devem seguir as orientações publicadas pelo DIAN na Resolução 000020, que exige a conformidade a partir de 1º de agosto de 2019 para muitas organizações.

Últimas atualizações

Novo mandato empregará um modelo de liberação de faturamento eletrônico, exigindo pré-validação em tempo real. Nesse modelo, o fornecedor deve validar cada fatura com as autoridades fiscais antes de enviar mercadorias para um cliente.
Faturamento de entrada agora é uma exigência.
Um novo esquema XML requer mais de 200 validações, com novos catálogos implementados para padronizar os dados e 7 novas confirmações.

Fatos rápidos do mandato

  • Mandato reduz a evasão de IVA em 50%, equivalentes a 8 bilhões de pesos (USD – 2,8 bilhões)
  • Mandato produziu mais de 3 milhões de documentos eletrônicos no valor de mais de 40 bilhões de pesos (USD – 13 bilhões)

Datas da implantação do mandato

Com o último UBL 2.1 e o mandato de pré-validação publicados pelo DIAN, as datas para a implementação da liberação do faturamento eletrônico são as seguintes:
  • • As empresas que não implementaram o faturamento eletrônico precisam ser ativadas entre 1º de agosto de 2019 a 1º de agosto, de 2020, de acordo com a resolução 020.
  • As empresas que atualmente faturam eletronicamente precisam ser ativadas até 2 de novembro de 2019.

Penalidades

As empresas que não cumprirem o mandato de faturamento eletrônico estão sujeitas a multas de até 15.000 UVT, definidas com base nos seguintes critérios:
  • 5% do valor da fatura para a qual as informações necessárias não foram fornecidas
  • 4% do valor da fatura para informações enviadas no formato incorreto
  • 3% do valor da fatura para envios tardios
Guia gratuito

Requisitos de faturamento eletrônico e relatórios na Colômbia

Para saber mais detalhes sobre a evolução e os requisitos do mandato, faça o download do guia sobre faturamento eletrônico na Colômbia.

Como a Sovos ajuda as empresas a manter a conformidade com o faturamento eletrônico na Colômbia

A solução de conformidade fiscal de faturamento eletrônico da Sovos serve como um verdadeiro balcão único para gerenciar todas as obrigações de conformidade de faturamento eletrônico na Colômbia e em todo o mundo. Combinar soluções locais diferentes em países ao redor do mundo é caro e arriscado. O framework SAP da Sovos foi adaptado para gerenciar cenários específicos de faturamento eletrônico na Colômbia, além de lidar com requisitos em outros países ao redor do mundo. Ele permite que as empresas faturem perfeitamente no SAP e monitora os processos de conformidade de AR e AP, de ponta a ponta, tudo dentro da SAP.

Fornecedor certificado de tecnologia DIAN

A Sovos ganhou certificação do DIAN. As empresas que fazem negócios na Colômbia devem usar um provedor de tecnologia certificado para funções de faturamento eletrônico.

Certificado para Namespace e SAP com um caminho para S/4HANA

A solução SAP integrada da Sovos permite que os usuários de AR e AP gerenciem operações diárias nos processos de racionalização da SAP, mantendo a SAP como única fonte de autoridade.

Cases de sucesso do programa piloto na Colômbia

A Sovos implementou com sucesso o faturamento eletrônico na Colômbia com grandes multinacionais, incluindo Coca-Cola, Kellogg e SC Johnson.

Lista de recursos

Monitores localizados da SAP para facilitar a configuração dos processos de faturamento eletrônico

A Sovos fornece experiência da SAP em países do mundo todo, eliminando a necessidade de os clientes da SAP encontrarem e fornecerem especialistas.

Soluções de conformidade fiscal de faturamento eletrônico da Sovos localizadas para exigências e cenários específicos do mercado

A solução SAP integrada permite que os usuários de AR e AP gerenciem operações diárias nos processos de racionalização da SAP, mantendo o sistema como a única fonte de autoridade. A Sovos fornece alcance global com conhecimento regulatório interno para faturamento transacional pré-liberação e pós-auditoria. Quando as autoridades fiscais introduzem novos mandatos ou modificam os já existentes, a Sovos mantém o controle para que os clientes da SAP permaneçam em conformidade, desfrutando de tranquilidade e evitando interrupções nos negócios.

Funcionalidade incorporada em mais de 60 redes globais líderes de EDI e P2P, incluindo SAP Ariba

A conformidade do Sovos eInvoicing funciona diretamente nos sistemas EDI e P2P mais populares e complexos, eliminando a necessidade de financiar e manter caros projetos de integração.

Gerenciamento de alterações para monitorar e manter o sistema de faturamento eletrônico

Os clientes da SAP não apenas economizam dinheiro por não precisarem criar lógicas internas de mapeamento e extração de dados SAP na SAP para seus processos de faturamento eletrônico, como também não precisam arcar com os custos significativos de monitoramento e manutenção desses sistemas.

Namespace SAP nativo e reservado

Criada diretamente na SAP com seu próprio namespace, a solução de conformidade fiscal para faturamento eletrônico da Sovos oferece as ferramentas que os clientes da SAP precisam para gerenciar, controlar e monitorar os processos de conformidade de faturamento eletrônico em tempo real.

Suporte multilíngue

A Sovos oferece suporte abrangente ao cliente nos idiomas de países com mandatos de faturamento eletrônico em todo o mundo.

Clientes